FATO HISTÓRICO – DESCOBERTA DO OURO EM GENTIO DO OURO:

Distrito de Gameleira do Assuruá - Gentio do Ouro

No ano da 1837, a comunidade de Gameleira do Assuruá, município de Gentio do Ouro, situado sobre a parte baiana da Chapada Diamantina, descobriu várias minas de ouro e extraiu algumas arrobas do nobre metal, existindo pepitas com mais de meio quilo.

A notícia se alastrou e foi o bastante para que o então Presidente da Província da Bahia enviasse à Câmara Municipal de Xique-Xique (BA), Ofício indagando sobre a existência dessas minas de ouro e quais as providências que estavam sendo tomadas para o recebimento do devido imposto, já que Gamaleira do Assuruá, na época, pertencia ao Município de Xique-Xique (BA).

Em resposta à indagação do Mandatário baiano, a Câmara Municipal de Xique-Xique ratificou o achado de grandes pepitas de ouro de pesos diversos e, na ocasião, confessou sua omissão em cobrar dos mineradores e garimpeiros os impostos determinados pela Lei dos Direitos do Ouro.

Ainda hoje, é comum os residentes em Gameleira do Assuruá encontrarem nas enxurradas pequenas pepitas de ouro que ajudam no orçamento doméstico daquela pequena comunidade serrana.

Informações colhidas no livro "Senhor do Bonfim e Bom Jesus de Chique-Chique - História de Chique-Chique", de autoria do Prof. Cassimiro Machado Neto)

Comentários